Dicas avançadas de fotografia para quem ama viajar

Se você é do tipo que adora fotografar tudo que vê por onde passa em suas viagens, este post foi feito pra você. E nem precisa ter uma super câmera: o principal é saber usar o equipamento à sua disposição, mesmo que seja um smartphone simples.

1

Antes da viagem

Faça o dever de casa, pesquise o lugar para onde vai com antecedência para ter pelo menos alguma ideia do que deve encontrar por lá. De espírito preparado, fica mais fácil identificar os temas interessantes e não perder nada de essencial. Evite roubos fazendo sua câmera/celular parecer mais velho. Para isso, não é necessário estragar nada, basta colar uma fita adesiva já gasta nele! Se você tiver um cartão de visita, tire uma foto dele. Assim, se perder a câmera e alguém a encontrar, terá como entrar em contato com você.

Durante a viagem

Acorde o mais cedo possível (sem desprezar seu cansaço, é claro). Você verá que aproveitar a luz da manhã vale a pena.

Aprenda a falar “olá” ou qualquer outra saudação comum no lugar que estiver visitando para se comunicar brevemente com os locais na hora que estiver tentando fotografá-los. É mais simpático e funciona muito melhor desse modo.

2

Fuja do lugar-comum. Todo mundo sabe que os cubanos adoram charutos e que existem muitos monges na Tailândia. Conte histórias diferentes para seus amigos e familiares. Mostre o seu próprio ponto de vista. Se tiver feito o dever de casa do início do post, pesquisando um pouco sobre o lugar, já será meio caminho andado.

Se o tempo de viagem permitir, prefira viajar de trem ou ônibus a ter que pegar um avião: as paisagens, as estradas e ruas, tudo isso vai lhe proporcionar cenários mais ricos do que uma breve viagem de avião.

Inclua placas, rótulos e texto em geral em algumas fotos. O nome e o preço de frutas e verduras num mercado de rua no idioma local, placas criativas na porta de uma loja, uma banca de jornal multicolorida com jornais e revistas, e até mesmo placas de trânsito, tudo isso dará mais personalidade e identidade a suas fotos.

3

Inclua pessoas sempre que possível em suas fotos, de preferência moradores da região, em vez de turistas. Pessoas fazendo as coisas do dia-a-dia dão excelente resultado: um idoso tomando um café no balcão, uma moça levando o cachorro pra passear, etc.

Evite fotos posadas de grupos, quando todos ficam parados diante da câmera. Dê preferência a fotos que registrem momentos espontâneos: seus amigos rindo e tomando o café da manhã, por exemplo, ou a hora exata em que alguém do seu grupo pula na piscina gelada do hostel pela primeira vez. São essas as fotos que serão lembradas dali a muitos anos.

4

Escolha um ou dois temas para cada dia. Isso irá lhe ajudar a manter o foco (com trocadilho, por favor), e você não ficará tão preocupado pensando no que vale a pena registrar. Mas mude o tema do dia caso apareça algo mais interessante. Se o tema for detalhes da arquitetura em Veneza mas você encontrar uma cena de rua bacana, registre-a na hora!

Se for usar uma câmera DSLR, seja minimalista: escolha a lente que mais gosta de usar e saia com ela, pois as coisas mais interessantes tendem a acontecer exatamente quando estamos trocando a objetiva. E tem a vantagem extra de deixar sua bagagem mais leve

Obtenha imagens “aéreas” super diferentes lançando uma GoPro pro alto (e se certificando de pegá-la de volta com cuidado).

5

Se não tiver uma GoPro para seguir a dica anterior, não tem problema: procure sempre saber se existem mirantes, prédios altos, morros ou qualquer lugar acessível onde você possa subir para ter uma perspectiva aérea da região.

Dedique um pouquinho mais de tempo ao enquadramento das fotos: afaste-se um pouco, aproxime-se um pouco, veja se fica melhor com a imagem na vertical ou na horizontal, repare na iluminação (passar para o outro lado, às vezes, salva uma foto que sairia escura ou clara demais). O tempo e trabalho a mais serão recompensados pelos melhores resultados.

Depois da viagem

Invista num bom HD externo para fazer o backup de suas fotos. Use o método 3-2-1: faça três cópias de suas fotos em dois tipos diferentes de mídia (por exemplo, no seu computador, no HD externo ou em algum drive virtual na nuvem, como o Google Drive, o Dropbox, etc) e mantenha uma dessas mídias num lugar separado.

Depois de tantas dicas, dá uma vontade louca de pôr todas essas ideias em prática, né? Então não perca tempo e escolha agora mesmo o Mochilão que é mais a sua cara!

CI Intercâmbio e Viagem

CI Intercâmbio e Viagem

A CI Intercâmbio e Viagem produz o blog Caia no Mundo e é a maior empresa de intercâmbio e turismo jovem do Brasil. Mais de meio milhão de pessoas já embarcaram com a CI para conhecer o mundo em viagens que unem estudo, trabalho e lazer.

Saiba mais em ci.com.br

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.