mão segura nota de dólar. Embaixo há mais notas de dólar.

3 maneiras de levar dinheiro para o exterior

Tudo pronto para viajar: passaporte, malas, roteiro. Aí vem a dúvida: qual é a melhor maneira de levar o dinheiro para o exterior? Dinheiro em espécie, cartão de crédito, cartão pré-pago?

Para evitar surpresas em relação as taxas dos bancos e os Impostos sobre Operações Financeiras (IOF) em relação ao seu dinheiro, é importante conhecer bem as suas opções. Por isso, confira as três melhores alternativas para você levar seu dinheiro e aproveitar sua viagem:

Cartão de crédito

É a opção mais cômoda, segura e ainda pode até render milhas. Além disso, você ainda tem o controle dos seus gastos e só irá quitar suas compras futuramente quando pagar sua fatura.
Mas, atenção! Existem alguns fatores para serem considerados nessa opção de pagamento: além da taxa que é cobrado do IOF, por volta de 6,38%, por se tratar de uma compra internacional, também pode haver mudanças, pois é lançado em sua fatura o valor gasto, e por causa da conversão do dólar (ou moeda estrangeira) para o real, pode existir alterações no valor da compra na hora do pagamento.

Lembre-se que para essa opção ser válida é preciso ter cartão internacional. Para isso, converse com o gerente do seu banco e notifique-os sobre sua viagem, para não existir desentendimentos futuros com suas compras.

mão segura e aperta botão na máquina de cartão de crédito

Dinheiro em espécie

Essa opção é a mais barata porque o imposto (IOF) cai de 6,38% para 1,1%, ou seja, não precisa se preocupar com as taxas do banco ou a fatura. Com essa opção você tem mais controle nos seus gastos, mas também é preciso de mais cuidado. Por exemplo: nunca ande com todo dinheiro na doleira (ou bolsa), é importante deixar sempre uma quantidade guardada em um cofre ou local seguro e sair só com o que você for usar no dia. Afinal, se sair com todo dinheiro você pode gastar mais do que planejado e ficar sem dindin pro resto da viagem. Outra dica valiosa é já sair do Brasil com notas menores, como de 50 e 10, pois alguns lugares não trocarão sua nota de 100. Isso é muito importante para o primeiro dia, que você está chegando e ainda não conhece muito bem a redondeza.

mão segura nota de dólar. Embaixo há mais notas de dólar.

Cartão pré-pago

Essa é a opção mais prática, funciona como um cartão de débito e a única diferença para o cartão de crédito é que você carrega antes de embarcar. Algumas opções permitem o saque em caixas eletrônicos no exterior e podem ser recarregados pela internet. Como todas as outras opções citadas tem seu lado positivo e negativo, essa não seria diferente. As desvantagens do cartão pré-pago é que você também pagará a mesma taxa de IOF (em torno de 6,38%) do cartão de crédito e a cotação utilizada é a da moeda turismo, que é a mais cara em comparação a moeda comercial. Saiba mais sobre o CI Travel Money!

Independente da sua escolha é sempre bom levar mais de uma opção. Se você preferir levar mais dinheiro em espécie, leve mesmo assim um cartão de crédito ou um de pré-pago recarregável. E se a sua preferência for um dos dois cartões, leve uma pequena quantidade em espécie.

Gostaram das dicas? Então agora é só planejar sua viagem com a CI 😉

CI Intercâmbio e Viagem

CI Intercâmbio e Viagem

A CI Intercâmbio e Viagem produz o blog Caia no Mundo e é a maior empresa de intercâmbio e turismo jovem do Brasil. Mais de meio milhão de pessoas já embarcaram com a CI para conhecer o mundo em viagens que unem estudo, trabalho e lazer.

Saiba mais em ci.com.br

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.