A Ponte do Rio Que Não Cai


Uma ponte suspensa no meio de uma montanha. Isso a 15 minutos da cidade, na verdade, ainda na cidade. Essa é uma das graças de Vancouver. A cidade concebe bem o trabalho entre verde e cinza. Ao mesmo tempo que tu compra tua bolsinha Louis Vitton, tu pega o Seabus, depois a linha 228 de ônibus e te adentra na mata, pra caminhar, aquela historinha de natureza, sabe? Este nas fotos é o Lynn Valley. Um vale cheio de trilhas absolutamente bem sinalizadas com cachoeiras, milhares de árvores e uma ponte suspensa (a maior da cidade é a Capilano que ainda não fui porque tem que pagar e de pagar já basta os pedágios brasileiros…). Crianças e cachorros são liberados pelo parque que tem placas com uma mensagem que nós, do querido país abaixo do Equador – a linha imaginária – já sabemos dese cedo. A placa diz pras pessoas fecharem bem os carros porque larápios perambulam pelo Lynn Valey (quanto o governo brasileiro torraria pra botar este tipo de placa?).
Galeria de fotos:

Luciano Potter

Luciano Potter

Esse gaúcho vai estudar inglês em Vancouver, no Canadá. Terá muitas histórias pra contar.

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.