Aprender outro idioma às vezes nos prega “peças”

Estava à espera de pegar algumas fotos que foram tiradas por meus amigos, mas como enrolaram muito peço desculpas pela demora em postar mais informações. Minha terceira semana em Malta “assustou-me” pela velocidade como este ano está passando. Nos últimos meses tenho vivido tão intensamente e experimentado diversas novas situações que, talvez por isso, não vejo o “tempo” passar.

O aprendizado de outro idioma muitas vezes nos prega “peças”. Têm dias que achamos que não estamos aprendendo muito e em outros que já sabemos quase tudo…rs. Fui convidado pra um churrasco aqui por uns funcionários da escola e aceitei prontamente. Realmente estava muito gostoso e fiquei contente por conseguir conversar com as pessoas por um tempo maior que 5 minutos…rs Sinal que meu vocabulário está aumentando. Essa sensação já havia tido ao precisar comprar alguma coisa ou resolver algum pequeno problema, como negociar na lavanderia um preço melhor se eu me “fidelizasse” lá. Por outro lado, em sala de aula, já achei que tinha desaprendido tudo…rsrs

DICA: não devemos nos preocupar demasiadamente quando temos uma sensação de não saber muito. Lembrem-se: assim como o português, um novo idioma não se aprende completamente em poucos anos. Talvez nunca vamos aprender 100%, inclusive o português. Portanto, relaxe e busque agregar a cada dia algumas novas palavras e não repetir erros passados.

William

William

O William é ex-jogador de futebol com passagem pelo Corinthians e pelo Grêmio, e após encerrar a carreira resolveu ser um #ViajanteCI. Ele foi estudar inglês primeiro em Malta e depois em Londres, e contou tudo para a gente aqui.

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.