Chicken or Pasta: Aprendendo a cozinhar em Bordeaux – Parte 1

Imagem_1_Chamada

Vanessa Mathias, colaboradora do Chicken ou Pasta, um blog de viagens tão legal quanto o nosso, é nossa #ViajanteCI da vez. Com mais paixão por gastronomia do que fluência em francês, ela conta em uma série de posts aqui no blog como está sendo sua experiência em curso de francês e culinária francesa em Bordeaux, França. Separe a sua taça e venha brindar esse ótimo relato com a gente.

Aeroporto de Bordeaux. Uma senhorinha muito simpática aguarda com meu nome: Madamoiselle Santos.  Muito gentil, me abraça e pergunta se eu ia comer melão com manteiga na viatura.

Disse “Oui”, claro. Primeiro, porque adoro melão. Segundo porque nunca andei de carro policial. E terceiro, porque com meu francês iniciante, tinha quase certeza que minha interpretação não devia ser lá muito precisa, o que vale é a aventura.

O convite era para dar uma volta de carro e comer algo. Mas minha frustração da abstinência de melão foi tomada pelo entusiasmo com a cidade. Bordeaux é uma cidade linda, parece de bonecas. A delegaciazinha, a floricultura, o teatro. A loja de doces. Muitas lojas de doce. É tão bucólico que você tem certeza que verá mini-pôneis a qualquer momento.

Imagem_2

 

Mais que doces, só vinho. Vinho em Bordeaux é mais comum que água. Não é exagero. Você pede um prato, vem com vinho. O docinho, com uma tacinha de vinho. Quase certeza que o líquido que sai da fonte no parque é Sauvignon Blanc, mas não me certifiquei.

A casa da família anfitriã, organizada pela CI e France Langue, é incrível: jardim, quatro andares, e móveis que fazem jus a qualquer filme de época renascentista. E a dois minutos da escola, onde iniciei minhas aventuras na mais romântica das línguas latinas.

Imagem_3

A recepção na escola e as atividades são cuidadosamente pensadas para uma imersão na língua e cultura. Visitas a museus, passeio da cidade, degustação de vinhos (claro), só faltou mesmo a aula de como vestir uma boina.

Em uma semana, ainda entendo patavina e falo menos ainda, mas já fiz até apresentação oral em francês – que foi mais mímica do que apresentação.

Aos poucos algumas palavras e frases começam a fazer sentido. Mas melão, por exemplo, ainda não aprendi.

Se a vontade ao ler esse texto foi de fazer as malas e ter a sua própria experiência francesa em meio as panelas e caçarolas, venha bater um papo com a gente. A CI te leva! 🙂

CI Intercâmbio e Viagem

CI Intercâmbio e Viagem

A CI Intercâmbio e Viagem produz o blog Caia no Mundo e é a maior empresa de intercâmbio e turismo jovem do Brasil. Mais de meio milhão de pessoas já embarcaram com a CI para conhecer o mundo em viagens que unem estudo, trabalho e lazer.

Saiba mais em ci.com.br

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.