Os 8 restaurantes mais importantes de Miami

Miami é hoje a cena gastronômica que mais cresce nos Estados Unidos. É isso mesmo: Miami agora tem restaurantes de cair o queixo! Bela surpresa, hein? Claro que essa tendência não aconteceu da noite pro dia, mas foi impulsionada por alguns estabelecimentos importantes que influenciaram o setor.

Para conhecer um pouco mais o que tem de bom para comer na meca dos brasileiros nos EUA, selecionamos oito lugares que vão fazer você salivar só de olhar.

Michael’s Genuine Food and Drink (em Design District)

1
https://www.facebook.com/130100232129/photos/pb.130100232129.-2207520000.1432305663./10152716344607130/

Dez anos atrás, se você quisesse comer alguma coisa à noite em Miami, normalmente seria numa lanchonete com carnes questionáveis, alguma cadeia de restaurantes no Kendall Drive ou um lugar de 200 dólares por pessoa em South Beach. Aí veio o pioneiro do Design District, Michael Schwartz, e a cidade percebeu que era possível ter uma comida fresca e deliciosa sem precisar de um cartão de crédito platinum. Desde então, centenas de novos restaurantes surgiram, mas nenhum mudou tanto a cultura gastronômica por lá como o do Michael.

My Ceviche (em SoFi)

2
https://www.facebook.com/myceviche/photos/pb.195252640514583.-2207520000.1431956310./918908158149024/?type=3&theater

Quando o maior distribuidor de caranguejo de Miami (que não atende pelo nome de Joe’s) decidiu abrir um modesto espaço de frutos do mar em South of Fifth, deu pra perceber que isso traria uma mudança significativa ao mercado. Três anos depois, muitos espaços gastronômicos mais casuais tentam emplacar o ceviche, mas o melhor continua sendo o daqui, aonde dá pra chegar de bicicleta, pegar o seu ceviche para viagem e degustá-lo no South Pointe Park. Nada mal, hein?

Joe’s Stone Crab (em SoFi)

3
https://www.facebook.com/joeschicago/photos/a.120338394658459.17813.108921829133449/704068966285396/?type=3&theater

Durante anos, o Joe’s foi o único restaurante de Miami conhecido pelo nome mesmo por quem morava em outras partes do país ou do mundo. E, mais tarde, mesmo tendo surgido um grande número de excelentes restaurantes, a meritória condição de celebridade gastronômica aliada à qualidade incontestável continua sendo do Joe’s. Com filas de horas na alta temporada, o restaurante mais icônico da Florida continua atraindo multidões do mundo inteiro, que vêm atrás de seu legendário caranguejo, o stone crab. Porém, o frango frito de 5 dólares para viagem da portinha do Joe’s logo ao lado provavelmente vai entrar nessa lista em breve.

Azul (em Brickell)

4
https://www.facebook.com/134248516620276/photos/pb.134248516620276.-2207520000.1431956979./574889139222876/?type=3&theater

Você pode até não saber a história do Guia Michelin, mas, durante anos, esse lugar no bairro Mandarin Oriental foi o único que podia se orgulhar de ter um chef com uma estrela Michelin. Acrescente-se a isso uma das mais belas vistas de Miami e temos um dos lugares mais indicados para ter um jantar inesquecível, ideal para uma noite romântica ou simplesmente para comer muito, mas muito bem.

RED, The Steakhouse (em SoFi)

5
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=450465071789463

Antigamente, sair em busca de um restaurante de carnes de alto nível em South Beach significava disputar espaço com o tipo de gente que procurava um restaurante de carnes de alto nível em South Beach: os muito ricos e muito famosos. Então, entra em cena Peter Vauthy com seu cardápio recheado de Angus Beef® devidamente certificado, caranguejos gigantes e autêntica comida italiana. De repente, era possível sentar-se à mesa tranquilamente na melhor steakhouse de Miami sem ter que disputar o espaço com celebridades.

Versailles (em Little Havana)

6
https://www.facebook.com/VersaillesMiami/photos/pb.114215478609821.-2207520000.1432307544./504020489629316/

Na verdade, não existe nenhum outro lugar em Miami onde você pode ser servido por garçons de alinhado uniforme branco diante de um jogo americano de papel. Apenas uma das deliciosas contradições desse tradicional restaurante cubano de Miami, onde ainda é possível saborear um prato muitíssimo bem servido de ropa vieja por menos do que você pagaria por um drinque na maior parte da cidade, ao mesmo tempo que ouve velhos cubanos conversando sobre política entre goles de café e turistas cochichando uns com os outros sobre a autenticidade do lugar.

Ortanique on the Mile (em Coral Gables)

7
https://www.facebook.com/OrtaniqueOnTheMile/photos/pb.113855657308.-2207520000.1432307624./10152927685497309/

Nenhum chef local consegue o mesmo efeito tropical que Cindy Hutson, que também trouxe sua cuisine criativa para o Grand Cayman. É verdade que o cardápio está repleto de frutos-do-mar frescos e mais formas de servir mangas e abacaxis do que você julgava possível, mas ela também tem um filé Buckhead feito com Angus Beef® que não faria feio diante de nenhuma outra steakhouse da cidade.

Basil Park (em Sunny Isles)

 8 

O Basil Park não é apenas um lugar para se comer uma boa e saudável comida de origem orgânica (incluindo várias opções veganas) e com procedência local. Os pratos veganos são tão bons que se você pedir sem saber que não leva carne de qualquer tipo, queijo nem ovos, não vai acreditar que gostou tanto. Em todos os pratos, porém, veganos ou não, o sabor, a procedência, a qualidade e a apresentação falam por si. Quem diria, hein, Miami.

Deu água na boca, não deu? Então, corre pra planejar seu Mochilão, consulte as passagens aéreas com os melhores preços e faça logo suas reservas!

CI Intercâmbio e Viagem

CI Intercâmbio e Viagem

A CI Intercâmbio e Viagem produz o blog Caia no Mundo e é a maior empresa de intercâmbio e turismo jovem do Brasil. Mais de meio milhão de pessoas já embarcaram com a CI para conhecer o mundo em viagens que unem estudo, trabalho e lazer.

Saiba mais em ci.com.br

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.