Pe Lu e Koba voltaram do Mochilão à Europa

O  Pe Lu e o Koba, integrantes da banda Restart, já voltaram do Mochilão de 10 dias pela Europa, período que passaram conhecendo nada menos que Madrid, Roma, Paris e Londres. Agora é a hora de saber como foi a viagem, do que eles mais gostaram, o que trouxeram de lá, etc. Fala pra gente, pessoal!

1. Bom, foi a primeira vez que vocês viajaram para fora do país sem família e sem a banda. Antes da viagem, pareciam um pouco ansiosos. E aí, como foi essa experiência, de um modo geral?

Estávamos meio ansiosos com os trâmites da viagem, check in, check out, aeroporto, estação de trem. No fim das contas, com exceção da volta pra casa que foi adiada um dia, essas foram as partes mais tranquilas. Fomos sem roteiro, e eu indico muito pra todo mundo fazer a viagem assim, sem preocupações ou compromissos, o negócio é pegar um tour bus, mapa da cidade e cartão de metrô, a trip fica bem mais divertida e cheia de surpresas. Foi com certeza uma das melhores viagens da nossa vida.

2. Também foi a primeira vez de vocês nessas cidades: Madrid, Roma, Paris e Londres , simplesmente alguns dos destinos mais procurados. Se tivessem de organizá-los numa ordem, do mais interessante até o menos interessante, como ficaria essa ordem, e por quê?

A minha ordem [do Pe Lu] seria: Londres, Roma, Madrid e Paris. Londres tem tudo a ver com a cultura do rock que eu cresci admirando, ela respira isso e todos os grandes passaram ou são de lá. Prato cheio pra quem é músico ou admirador como eu. Roma é uma loucura cultural de imperadores, gladiadores e afins. Tudo que a gente estudou no colégio toma vida em proporções absurdas. A cidade é animal e as pessoas são o mais quente que a Europa permite. A dica é alugar uma vespa pra andar, a cidade é pequena e com a moto você se locomove muito mais facilmente. Madrid é a cidade mais correta. Não ficamos muito tempo lá então acabamos não saindo na noite, que dizem ser uma das melhores do mundo. Fica pra próxima. Paris foi a mais decepcionante pra mim. A cidade é linda e tem lugares que todo mundo tem que conhecer. Eu particularmente não me acostumei com a frieza das pessoas. Como eu disse, não foi minha preferida mas tem que ir uma vez na vida pelo menos.

3. O que mais chamou a atenção de vocês no que diz respeito à tal da “cultura europeia”? Alguma coisa foi muito diferente do que vocês imaginavam?

A cultura deles é MUITO diferente da nossa. Educação, forma de falar, forma de se relacionar com o mundo. É absurdamente enriquecedor viajar por esses países. Voltei com uma visão completamente diferente do mundo e, principalmente, do meu país. Além de ter sido uma viagem de diversão, nos fez crescer como pessoas também.

4. A viagem de vocês foi um Mochilão, que dá um grau de liberdade ao viajante. Vocês acharam fácil se virar por lá? Qual cidade é mais tranquila para andar e conhecer novos lugares, e qual foi a mais complicada?

Como eu disse, virou minha forma preferida de viajar. Ir sem roteiro e livre pra conhecer de tudo é a melhor maneira de conhecer um lugar. Pra ser sincero, todos esses lugares são MUITO fáceis de se locomover através do transporte público (ônibus e metrô). O primeiro dia pode ser um pouco complicado em Londres pela forma como eles utilizam os bilhetes, as zonas e afins. Mas, depois do primeiro susto, fica incrivelmente fácil, rápido e barato chegar nos lugares.

5. Vocês fizeram a London Rock Tour, um passeio guiado que te põe diretamente em lugares históricos ligados à história de artistas como os Beatles, The Rolling Stones, Eric Clapton, Led Zep, The Clash, The Sex Pistols, Bowie, Bob Marley e vários outros. Contem como foi essa experiência, e qual o momento mais emocionante desse dia!

Esse foi, COM CERTEZA, o melhor passeio da viagem. O guia é um monstro, entende tudo de tudo da história do rock e transforma cada esquina de Londres em alguma história maluca. Como eu disse, pra quem é músico ou admirador é um passeio mais que necessário. Passamos por lugares incríveis, como o prédio onde rolou o último show dos Beatles, a casa do Paulo, do Jimmy Page, a Kings Road e suas mil histórias. É tanta coisa, tanto conteúdo, que precisaria de um livro inteiro pra contar. INDICO!

6. Deu para fazer a visita obrigatória dos principais pontos turísticos, como a Torre Eiffel, o Coliseu, o Louvre, etc? Qual deles vocês acharam mais impressionantes?

Sim! Com certeza o Coliseu foi o mais impressionante. Pelo tamanho, pela história e pelo simples fato de ele continuar de pé após tantos anos. A Torre Eiffel fica incrivelmente mais encantadora de noite, iluminada.

7. Vocês também visitaram o British Music Experience, um museu gigante da música popular britânica, com imagens, vídeos e objetos importantes de todos os clássicos, até artistas mais recentes, como as Spice Girls, o Oasis, o Coldplay, Radiohead, Arctic Monkeys, etc. Dessas todas, qual a banda preferida de vocês, e como foi visitar essa mostra?

A minha banda preferida de todos os tempos é o Oasis, então foi muito bacana estar lá. O museu é super interativo e divertido. Indico também, assim como o Rock Tour.

8. Ficamos sabendo que vocês tiveram a sorte de estar presentes a um dos jogos do NBA de Londres que só acontece uma vez por ano, o NBA London Live. Vocês viram a partida Detroit Pistons x New York Knicks. Como foi essa experiência?

Demos uma sorte ABSURDA de estar na O2 arena durante a tarde e ficar sabendo do jogo. Mais sorte ainda foi achar dois alemães que queriam vender dois ingressos haha. Experiência única também, toda a vibe de estar em um jogo da NBA e o espetáculo que os americanos fazem é surreal.

9. O que vocês trouxeram pra vocês da viagem? Roupas, eletrônicos, lembranças, esse tipo de coisa.

A Europa não é exatamente o melhor lugar pra fazer compras haha. Como o euro está R$ 2,8 e a libra R$ 3,8, fica tudo um pouco caro. Janeiro é época de liquidação então trouxemos alguns casacos e roupas.

10. Para terminar, estava prevista uma viagem de trem. Foram de onde para onde? Acham que é legal viajar assim pela Europa, ou preferiam de avião?

Os dois trechos que pegamos de trem foram animais. O primeiro, de 14 horas, foi em uma cabine quarto super confortável. Lembrei um pouco das viagens que fazemos de ônibus aqui com a banda. O segundo trecho, de 2 horas, foi também super confortável, com direito a comes e bebes. Indico pra quem não quer gastar muito e viajar com bastante conforto!

CI Intercâmbio e Viagem

CI Intercâmbio e Viagem

A CI Intercâmbio e Viagem produz o blog Caia no Mundo e é a maior empresa de intercâmbio e turismo jovem do Brasil. Mais de meio milhão de pessoas já embarcaram com a CI para conhecer o mundo em viagens que unem estudo, trabalho e lazer.

Saiba mais em ci.com.br

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.