Pompei e Caserta

Pompei e Caserta

Hoje fiz um dos passeios mais legais e esperados por mim da viagem: Pompéia. A cidade é gigantesca e incrível e as duas horas de passeio não foram suficientes para ver tudo, mas valeu muuuuuuito a pena. Acho que só se estando num lugar desses, que “parou” no tempo, para se ter uma ideia de como era de fato a vida dos romanos há dois mil anos atrás. As marcas de carroças nas ruas, as propagandas  nas paredes das antigas lojas, os mosaicos e pinturas por todos os cantos… e a visão do Vesúvio – o único vulcão atualmente ativo na Europa – que é uma verdadeira bomba relógio torna tudo ainda mais emocionante. Por causa do mau tempo não pude subir no vulcão – hoje de madrugada nevou aqui na cidade e o pico do vulcão também está com muita neve. Enfim, conhecer Pompéia foi tudo o que eu esperava e ainda mais! Gostei tanto que resolvi ir amanhã de manhã para Ercolano, que é bastante parecida com Pompéia, mas dizem ser ainda mais bem preservada. Depois de lá irei finalmente ao Museo Capodimonte pela tarde aqui em Napoli nesmo 🙂

Continuando com o roteiro, fui para Caserta de tarde, uma cidadezinha que fica a cerca de quarenta minutos de trem de Napoli. Não vi a cidade propriamente dita, apenas fiquei no Palazzo Reggia di Caserta. É uma construção do século dezoito, a casa da última família real da região. Foi um passeio surpreendente! Mesmo com o frio, aproveitei a longa caminhada pelos jardins gigantescos do palácio – uma caminhada de mais de seis quilômetros, que eu fiz em cerca de duas horas e meia (é, sei que não estou me ajudando com o problema no joelho :B).  Sério, é tudo lindo demais. Com muitas fontes barrocas e árvores, peixes e outros animais, banquinhos para descansar e uma grande cachoeira no fundo que sai de dentro de um morro muito bonito. O palácio também é lindíssimo por dentro, bem como enorme, pois ao todo são mais de mil salas (a maioria não está aberta para visita, é claro).

Depois disso acabei voltando para Napoli (na saída de Caserta estava caindo uma mistura de chuva e neve e eu “bati queixo” pela primeira vez aqui hehe) e com o cansaço acabei pedindo pizza aqui no hotel mesmo.

No final das contas o sul da Itália está me surpreendendo positivamente e quando penso que amanhã é meu último dia aqui bate aquele aperto no coração. Mas acho que vou me sentir assim em todas as cidades, porque é tudo tão bonito aqui! 🙂

Ciao ciao

Thais Canfild

Thais Canfild

Thais é de Porto Alegre. Estuda História da Arte na UFRGS e já fez cursos de idiomas para inglês e atualmente faz italiano. Viajar está sempre dentro das prioridades dela. Durante um mês passará por Roma, Napoli, Siena, Veneza, Bologna, Milão e Florença. Andiamo in Itália!

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.