Vacation 3 – Final


Las Vegas:
Bom após ter dormido 3hrs e a Andrea meia hora, com muito sono e com quatro latinhas de energetico, lá fomos nós as 8hrs da manhã pegar o carro com destino a Las Vegas.

A Andrea dormiu nos primeiros 15min de estrada e como eu estava exausta começei a tomar um energético e ligar o rádio no ultimo volume, cantando até a minha garganta não aguentar.

Após 3 energéticos, muita música, muito deserto e 6hr de viagem, chegamos ao hotel.

Logo que chegamos, fomos comer algo e buscar o nosso ingresso para a nossa festa de fim de ano. Voltamos ao hotel e dormimos até a hora de nos arrumar!

A festa começava as 21hr, tendo open bar até as 23hr. Como não queriamos perder o open bar tentamos sair o mais cedo, mas só conseguimos chegar lá as 22hr. Ficamos na fila para deixar o casaco mais de uma hora, então quando vimos que iria demorar d+ começamos a revesar quem iria pegar a bebida. Após deixar o casaco e com o open bar fechado fomo andar na pista de dança. Foi ai que o milagre de ano novo aconteceu: no momento que eu vi o palco a onde o cantor B.O.B iria apresentar, um segurança me parou perguntando se eramos só nós duas. Eu não entendi muito bem o que ele queria e respondi que sim, ele pediu para eu aguardar no local a onde estava que ele voltaria logo. Assim que ele voltou ele disse que nós duas podiamos entrar e ficar na area vip, a onde ficavam as mesas e o palco. O lugar custa mais de $2mil no minimo.

Resultado: Eu fiquei na cara do B.O.B sem pagar nada a mais. Quando ele cantou “Nothing on you” ele estava a um palmo da minha cara. Foi Incrivel.

Depois do show decidimos andar pela rua, a temperatura era de -3ºC, os pé doendo pra caramba e depois de andar por 3hr resolvemos voltar ao hotel. Eu tremia tanto que demorei muito a dormir.

No dia seguinte decidimos ir ao Grand Canyon. Compramos um mapa para poder ter uma ideia de direção (que não ajudou em nada!). A paisagem era maravilhosa. Começou com um deseto, derrepente apareceu algo branco na borda da estrada. Aquele deserto ficou coberto de neve, era lindo de se ver, a primeia vez que eu vi um deserto e também a primeira vez que vi neve num deserto!

Assim que chegamos no local para comprar o ingresso para ir ver o Grand Canyon, falaram o que qualquer pessoa nunca sonha em ouvir “Sorry we are close!”, o que era mentira pois o cara fechou a fila na nossa frente. Desesperada eu começei a chorar e pedi para falar com o gerente, quando eu vi que o gerente era homem (não vou negar), forcei o choro um pouco a mais, falei que era do Brasil e que eu nunca mais iria voltar pra lá. Fiz o maior drama.

Posso dizer que a vista do Grand Canyon é a coisa mais linda que eu já vi, hahahahahaha. Sim depois de todo o chororo eles venderam os ingressos! Andamos pelo Skywalk, é uma passarela de vidro que você pode ver o fundo do Grand Canyon!

A noite, ainda com temperatura abaixo de 0ºC, fomos andar e tirar foto da Strip Las Vegas. No dia seguinte voltamos dirigindo para Los Angeles, eu dirigi o começo e a Andrea da metade pro fim pois eu já estava morrendo no volante. Com sono e ressaca acumulada finalmente voltamos para casa.

Eu fiquei muito feliz de voltar pois recebi uma surpresa linda, as crianças colocaram no meu armario um “welcome Home” cheio de corações.

Já estou programando minhas proximas férias. A única certeza é o Havai que vou em junho!!!


Galeria de fotos:

Marie Louise Deschamps

Marie Louise Deschamps

A Marie vai contar pra gente o dia-a-dia de uma Au Pair nos Estados Unidos. Trabalho, estudo e lazer.

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.