Weekend Trip

Tudo certo para o fim de semana: Viagem para Los Angeles com a escola para não ter preocupação com hospedagem, transporte, itinerário, etc.
O sábado começa cedo. Acordo 5:30 para tomar banho, me arrumar e terminar de fazer a mala. Já no ônibus, a caminho do ponto de encontro, mando mensagem para uma amiga confirmando o horário. Oops, minha visão biônica fez com que eu visse o horário errado e chegasse antes do marcado. DUAS HORAS E MEIA ANTES DO MARCADO. Só o que salva é uma lanchonete com free Wi-Fi do lado do terminal de ônibus.

Equívocos a parte, o ônibus está pronto para partir. Dentre os diversos itinerários oferecidos, o escolhido foi aquele cuja primeira parada é Universal Studios. A viagem demora mais ou menos 2:30.

Como era de se esperar de um sábado ensolarado de verão, o parque estava cheio e as filas eram longas. O problema foi que, assim que chegamos, acreditamos que conseguiríamos ir em todas as atrações, então não nos programamos logo no início e nem prestamos atenção no visores com o tempo de duração de cada fila – vale a pena dar uma conferida para se planejar e tornar o tempo mais produtivo. Mas nada que tirasse nossa diversão.

Umas das atrações que visitamos foi “Revenge of Mummy, The Ride”, minha primeira roller coaster! Claro que eu fiquei tensa. E para piorar minha tensão, me colocaram na primeira fila!!! Mas tudo bem, sobrevivi!

Os últimos minutos gastamos na lojinha de souvenir e na lanchonete, até descobrirmos que existia um CityWalk – uma rua cheia de lojas do lado do parque, não necessariamente de souvenir. Descobrirmos tarde demais. Para não perder o ônibus tivemos que correr para conhecer mais essa atração.

Ao sair do parque, fomos direto para Hollywood. Dentro do ônibus mesmo, a guia foi nos apresentando Hollywood Boulevard e a Sunset Boulevard – avenida paralela que costumava ligar os nascentes estúdios às casas das estrelas nas áreas mais altas -, antes de nos deixar no hotel. Noite livre em Hollywood. Com o hotel a uma quadra da Hollywood Boulevard, podemos aproveitar a noite para conhecer a Walk of Fame – com mais de 2000 estrelas (até a Branca de Neve tem direito a uma) – e os diversos pontos turísticos da região, como o Grauman’s Chinese Theatre – cujo pátio tem marcado mãos, pés e autógrafos de estrelas -, Hollywood and Highland – com diversas lojas e restaurantes -, o Kodak Theatre – agora Dolby Theatre, onde é realizado a premiação do Oscar – , etc. O curioso da região é a presença de diversos personagens, entre eles Homem-Aranha, Jack Sparrow e Batman, que acabam se tornando uma atração a parte para os diversos turistas que param para tirar foto com eles.

No dia seguinte, como o check-out do hotel é só às 11h, ficamos com a manhã livre para explorar um pouco mais dessa região, e fazer o principal: bater uma foto no Hollywood Sign. Infelizmente, não pode ser observado de perto, já que não tem nenhuma trilha autorizada. No entanto, andamos durante bastante tempo, até quase o final da Beachwood Drive, para conseguir uma foto perto o suficiente. Isso porque nós esquecemos que a guia tinha dito que do Hollywood and Highland sairiam boas fotos. Quer dizer, não é que esquecemos, apenas deixamos a informação de lado uma vez que durante a noite não tínhamos visto nenhum sinal do letreiro – o Hollywood Sign não tem iluminação noturna. 11:00, hora de partir em direção a Venice Beach. Mas antes uma passadinha por Beverly Hills – cidade onde costuma ser o endereço de muitas pessoas ligadas à indústria do cinema – e uma parada na Rodeo Drive – rua com as lojas mais elitistas e famosas do mundo.

Venice Beach tem esse nome porque, a princípio, seu fundador tinha o objetivo de construir canais e importar gôndolas para criar uma versão americana de Veneza, mas por conta das marés, o projeto teve que ficar de lado.

Nossa última parada é Santa Monica, uma região incrível com o famoso cenário do píer com um parque de diversões. Depois de uma caminhada pelo calçadão e até o final do píer, gastamos nosso tempo andando pela Third Street Promenade – uma agradável rua para pedestres com fontes de várias formas de metal e topiaria, e com as mais diversas lojas. Acabei o dia simplesmente apaixonada por essa cidade.

Bianca Salgueiro (@BiancaSaLgueiro)

Bianca Salgueiro

Bianca Salgueiro

Carioca, atriz e futura estudante de engenharia. Já atuou na dublagem de filmes como Lilo & Stitch, Procurando Nemo e Crônicas de Nárnia. Adora ler e estudar. Fala inglês, francês e cursa mandarim. Embarcou para San Diego, cidade ao sul da California, com clima praiano para viver o encanto e conhecer mais a cultura local.

Receba Nossa Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todas as novidades e promoções da CI.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.